Otoplastia

derma

Otoplastia é o termo utilizado para designar os diversos tipos de cirurgia plástica na orelha.

Está associada, principalmente, à correção das famosas orelhas de abano, caracterizado pela proeminência exagerada do órgão. Um problema que causa enorme desconforto estético aos pacientes.

A cirurgia otoplastia também pode resolver: ausência congênita das orelhas, sequelas de traumas e orelhas constritas.

É recomendável  que a otoplastia seja realizada  após os 6 anos de idade, quando o crescimento da orelha está perto dos 100%.

Como é feita a cirurgia de otoplastia?

Para minimizar o desconforto do paciente, a cirurgia plástica na orelha é realizada sob efeito de anestesia local geralmente associada a sedação venosa.

Após um corte atrás da orelha, na dobra natural da pele, ocorre a retirada de excesso de pele e cartilagem da concha  e logo depois é feito o remodelamento da cartilagem da hélice para melhorar a forma da orelha.

Para terminar, são dados pontos de fixação para manter a nova anatomia da orelha e, enfim, o corte é fechado.

Todo esse procedimento tem duração média de uma hora.

Como é o pós operatório?

O período após a realização da cirurgia na orelha costuma ser bem tranquilo. Mas é comum ocorrer um inchaço local, que vai diminuindo progressivamente, a partir do quinto dia de recuperação.

Dores e desconfortos também são comuns nos primeiros dias, mas podem ser facilmente controlada com medicamentos receitados pelo médico.

Durante os primeiros dias é necessário manter um curativo seco com gaze esterilizada na região da cirurgia de otoplastia.

Outros cuidados também são recomendados

  • Não dormir de bruços ou de lado;
  • Lavar a orelha delicadamente com sabonete prescrito e colocar uma gaze limpa e seca;
  • Ter cuidado ao lavar o rosto e o couro cabeludo;
  • Evitar esportes com potencial de traumatizar o local por um período de três meses.

Toxina botulínica, Preenchimento facial e Bioestimuladores de colágeno

Franzir a testa, sorrir, apertar os olhos para tentar levar alguma coisa e, até mesmo, mastigar. Praticamente todo movimento realizado na região facial pode levar ao aparecimentos de sulcos , rugas e linhas de expressão.

O uso da toxina botulinica , preenchedores e biostimuladores são importantes aliados no tratamento e mesmo na profilaxia do processo de envelhecimento da face.

Agora vamos entender do que se trata cada um e quais as indicações :

Toxina botulínica:

Como o próprio nome diz , trata-se de uma toxina que age paralisando a musculatura onde é aplicada. Ou seja, é um recurso muito usado para as rugas dinâmicas, as famosas rugas de expressão, que se formam quando mexemos os músculos das regiões.

Sendo assim, seus principais locais de aplicação são:

  • região frontal: nas linhas na testa , região entre os supercílios ( glabela) que formam aquelas rugas que nos deixam com cara de bravos, e na elevação das caudas das sobrancelhas.
  • ao redor dos olhos: para suavizar os famosos “pés de galinha “
  • ao redor da boca e lábios (para melhora do código de barras); e na correção do sorriso gengival.
  • no pescoço para melhora das bandas platismais.
  • na região nasal( para elevação da ponta do nariz).

A duração média do efeito da toxina é em torno de 4 meses. Apesar da duração não ser muito longa, devemos pensar na toxina também como prevenção, ou seja, paralisando a musculatura estamos prevenindo a formação daquelas rugas profundas que após instaladas são de quase impossível resolução. O ideal portanto é que façamos as aplicações pelo menos duas vezes por ano.

Preenchimento

Os preenchedores são substância sintéticas , biocompatíveis e geralmente absorvíveis que são usados para restaurar volumes perdidos com o processo do envelhecimento, e reestruturar a pele melhorando o contorno facial .

A principal substância utilizada como preenchedor é o ácido hialurônico.

Essa substância é um componente natural da pele que com o passar do tempo vai sendo gradualmente menos produzida pelo organismo. Como consequência, a pele passa a perder volume e os sulcos e as rugas vão aparecendo com mais evidência.

Há outras categorias de preenchedores como a hidroxiapatita de cálcio ( Radiesse) e a policaprolactona ( Ellansé). Ambos têm Indicações precisas e excelentes resultados.

Os preenchedores podem ser utilizados em praticamente toda a face, sendo importante ressaltar que existem produtos diferentes na sua densidade e concentração, sendo que a escolha acertada do melhor produto para cada região faz toda a diferença para um bom resultado. As principais áreas tratadas com os preenchedores são :

  • olheiras
  • Malar ( bochechas)
  • Queixo
  • Contorno mandibular

Sulco nasogeniano

Rugas de marionete

Os primeiros efeitos do preenchimento facial com ácido hialurônico são perceptíveis logo após as aplicações. Entretanto, os resultados tornam-se mais visíveis uma semana depois da sessão, quando o inchaço na região diminui.

O preenchimento facial realizado com ácido hialurônico é um tratamento seguro, com resultados muito naturais, mas não é permanente. Os efeitos podem durar um período de 12 a 20 meses, depende de uma série de fatores.

Pacientes com alta produção de radicais livres, atletas de alto rendimento e fumantes, por exemplo, podem ter um período de efeito um pouco menor.

Bioestimuladores do colágeno:

Como o próprio nome diz são substâncias que visam induzir a formacao de colágeno pelo próprio organismo. Os principais bioestimuladores no momento são o Sculptra e o Radiesse.

Geralmente é um tratamento feito em sessões a depender do grau de envelhecimento cutâneo.

É importante ressaltar que uma das principais causas do envelhecimento da pele é a perda do colágeno , dessa forma, esses produtos aparecem como uma possibilidade de reforçar nossos estoques naturais de colágeno , sendo mais uma ferramenta no arsenal para retardar os sinais de envelhecimento.

Quer saber mais alguma informação?